Victoria e Aninha seguem no comando no Sub-21

Os estados do Mato Grosso do Sul, representado pela dupla Victoria/Aninha, e da Paraíba, com os irmãos Rafael/Renato, foram os campeões da terceira etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-21, realizado em Jaboatão dos Guararapes (PE). As finais aconteceram na manhã desta quinta-feira (16), na arena montada na Praia da Piedade. A quarta e última etapa de 2018 ocorre em Manaus (AM), de 5 a 7 de outubro.

Entre as mulheres, Victoria e Aninha, que venceram as duas primeiras etapas da temporada, superaram na decisão as paranaenses Amanda e Ingridh por 2 sets a 0 (21/13, 21/11), em 31 minutos. As sul-mato-grossenses lideram o ranking com folga: 600 pontos.

Na disputa de bronze, as cearenses Amanda e Talita derrotaram Débora/Thamela (ES) por 2 sets a 0 (21/16, 21/17), em 31 minutos de jogo, completando o pódio.

Foto – CBV/Divulgação

Masculino

A dupla Jean/Gui (MS) terminou em décimo lugar.  No confronto pela nona colocação, os sul-mato-grossenses perderam de Pedro/Gabriel (SP) por 2 sets a 1 (15/21, 21/17, 15/7), em 43 minutos.

Os gêmeos  Rafael e Renato conquistaram o segundo ouro ao vencerem os cariocas Gabriel/Gabriel Candido (RJ) por 2 sets a 0 (21/12, 21/16), em 34 minutos. Eles lideram o ranking  com 560 pontos.

Na disputa de bronze, triunfo dos paranaenses Patrick e Lipe sobre os sergipanos André Danilo e Matheus por 2 sets a 1 (24/26, 21/18, 26/28), em 1h.

A temporada é formada por quatro etapas. Na primeira, em João Pessoa (PB), André Danilo e Matheus, representando Sergipe, e Aninha/Victoria, defendendo o estado do Mato Grosso do Sul, ficaram com o título. Na segunda etapa, no Rio de Janeiro (RJ), o título ficou com Aninha/Victória (MS) e com Rafael/Renato (PB).

Rio de Janeiro, no naipe masculino, e o Ceará, no naipe feminino, foram os campeões da temporada 2017. A competição revelou diversos atletas que foram campeões e posteriormente se tornariam olímpicos como Pedro Solberg (RJ), Bruno Schmidt (DF), Bárbara Seixas (RJ), Juliana (CE) e Maria Elisa (RJ). (Com CBV)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*